Vina se emociona em despedida do Ceará: “Errei, fui humano”

Foto: Thiago Gadelha / SVM

Vina não é mais jogador do Ceará! O meia já está em Porto Alegre-RS para assinar com o Grêmio. Nas redes sociais, o Vovô fez uma publicação para se despedir e agradecer aos serviços prestados pelo atleta. No vídeo, o jogador aparece bastante emocionado e assume erros, relembre chegada e fala do carinho pela torcida.

Em janeiro de 2020 Vinícius Goes foi apresentado oficialmente como reforço do Ceará. Pouco tempo depois, ele deixou seu nome de batismo “de lado” para ser chamado pelo apelido Vina e foi quando se transformou no Vina do Ceará. Maior artilheiro da história do clube na Série A do Brasileirão e em competições sul-americanas, 46 gols marcados e um título invicto da Copa do Nordeste. Mas, tudo que começa também tem um ponto final.

Na última quinta (9), mesmo dia que Robinson de Castro renunciou ao cargo de presidente da diretoria executiva e José Barreto de Carvalho Filho foi eleito presidente do Conselho Deliberativo, foi o último dia do atleta em solo cearense. Vina realizou uma festa em sua residência e convidou colegas que fez aqui. Dentre os convidados, funcionários e atletas do atual elenco alvinegro. Nesta sexta (10), o jogador desembarcou em Porto Alegre-RS para realizar exames e ser anunciado pelo tricolor gaúcho e ganhou uma calorosa recepção dos torcedores presentes no aeroporto.

Nas redes sociais, o Alvinegro fez uma despedida para o jogador. Mostrando a retrospectiva de sua passagem e falas de sua primeira entrevista quando chegou em 2020, como a que diz que estava vindo para fazer história, o clube agradeceu pela história feita. No mesmo vídeo, o jogador aparece falando sobre momentos vividos, perdiu perdão pelos erros cometidos, disse que o Ceará foi o clube que ele mais se afeiçoou e deixou claro que essa despedida não é um adeus, mas até logo.

“O Ceará vai ficar marcado na minha vida. Jamais vai ser uma despedida, é um até breve. Neste tempo que eu estiver fora pode ter certeza que serei mais um dentre milhões de torcedores. Minha vida mudou muito aqui, sou totalmente grato ao Ceará. Espero ter contribuído com a história do clube. Fiz muitos amigos aqui, pessoas que vou levar pra vida toda. É o clube que mais fiquei (tempo). A questão é gratidão mesmo. Carinho, amor pelo clube, de se sentir bem, pode respresentar realmente. Sei que errei, fui muito humano. Eu vivi intensamente esse clube. Chorei, sorri. Peço desculpas a todos que, de alguma forma, desapontei. Mas antes de ser o Vina jogador, sou humano. Erro e acerto. Uma das coisas que fico com consciência tranquila é que eu dei meu melhor, respeitei muito essa camisa. Isso me deixa muito tranquilo. Óbvio, jamais queria que estivesse acontecido o que aconteceu (rebaixamento no Brasileirão. Foi algo novo na minha carreira e quis Deus que fosse dessa maneira, com o clube que eu mais me identifiquei, clube que eu mais tive carinho. Com certeza é por alguma motivo. Como humano tive minhas falhas sim, mas eu vivi intensamente. Amei e amo esse clube. Todos podem comigo para o que precisar. Nos meus momentos ruins foram essas pessoas que me ajudaram no dia a dia. Então, por isso que falei: gratidão demais. Obrigado por vocês fazerem o Ceará ser o que é. Muito obrigado pelo dia a dia e podem ter certeza que vocês tem um amigo. Agradecer e pedir desculpas também. Desculpas, eu sou humano. Erro e acerto. O choro de vocês foi meu choro também. A alegria de vocês foi a minha. É isso que tenho para falar: o Vina é do Ceará. Pode ter certeza absoluta, vou mas meu coração fica aqui. Que vocês (torcedores) continuem, o lema é nunca abandonar. Precisam da ajuda de vocês para colocar o clube onde ele merece. Joguem junto, é só o que eu peço. Tenho certeza que o Ceará vai colher bons frutos. Vou estar torcendo muito, todo jogo na torcida. Final do ano vai ter título e, principalmente, acesso à Série A. Obrigado, nação “, se despediu o jogador entre lágrimas.

Vina